segunda-feira, 4 de maio de 2009

FILME - A HISTÓRIA DAS COISAS

O filme " A história das coisas", aborda e questiona o intenso consumo de produtos industrializados, o papel dos meios de comunicação e da publicidade no estímulo ao consumo, a geração de imensas quantidades de lixo, a formação de grandes corporações capitalistas, a submissão dos governos a estas corporações, a exploração dos trabalhadores e dos bens naturais dos países pobres e a divisão internacional do trabalho.
A contaminação dos produtos industriais que usamos e a poluição do meio ambiente por substâncias tóxicas, como a perigosa dioxina, são explicadas e criticadas no filme. Embora esse filme tenha sido criado para a sociedade norte-americana e seu consumo, algumas situações e exemplos apresentados se aplicam a muitos outros lugares, inclusive o Brasil.
O filme apresenta os conceitos de obsolência planejada, ou seja, produtos feitos para durar pouco e aumentar o consumo, e cria a idéia de que as pessoas devem acompanhar as novidades do mercado, comprar e usar sempre os novos produtos para serem valorizadas na sociedade.
Apesar da abordagem esquisita (narrativa oral) - de denúncia e alerta - o filme é criativo, muito didático e esclarecedor. Ajuda a compreender o mundo contemporâneo e os complexos problemas socioambientais atuais. Por fim, apresenta alternativas e soluções, sempre com um olhar de conjunto e uma abordagem socioambiental (sustentabilidade). Merece ser visto por todas as pessoas que têm uma postura de responsabilidade ambiental e querem aprofundar o seu entendimento.
Postado em 04/05/2009, por José Mário Corrêa

Um comentário:

  1. coloque a referencia

    http://www.aipan.org.br/biblio/horah-29-08-08.pdf

    ResponderExcluir